terça-feira, 20 de maio de 2014

CONAN THE BARBARIAN 219

 
ESTADOS UNIDOS

 
EDITORA MARVEL

1989


 
 
             Em formato americano,16,5 x 25,5,colorido e 36 páginas. Lançado em Junho de 1989.




Conan da Cimeria é o maior personagem da literatura de fantasia heróica ou "espada e feitiçaria" . Criado pelo escritor texano Robert E. Howard em 1932, fez sua primeira aparição na revista 'Pulp Weird Tales' no conto chamado "The Phoenix on the Sword" (em português, 'A Fênix na Espada'). Howard escreveu mais dezenove histórias e um romance protagonizados pelo personagem (três dos contos só publicados após sua morte), sendo que outros escritores de renome também criaram histórias de Conan ou reescreveram contos, a partir de sinopses e fragmentos originais após 1936, ano em que Howard se suicidou. Dentre esses recuperadores e continuadores da obra de Howard se destacam L. Sprague de Camp e Lin Carter.

As histórias de Howard sobre Conan—e também sobre Kull, o rei da Valúsia, uma criação anterior a Conan—ajudaram a definir o formato da fantasia heróica como subgênero da fantasia: A ênfase em um herói que é um poderoso guerreiro, hábil espadachim, de disposição violenta e contrária às hipocrisias e fraquezas da civilização, e que sempre se defrontava com ameaças sobrenaturais sobre as quais sempre prevalecia, fossem elas magos, demônios ou outras criaturas de eras perdidas no tempo.


CONDORITO DE ORO   41    

CHILE

EDITORA TELEVISA

1996




Em formatinho,14 x 20,5,colorido e 100 páginas. Esta revista é de número 41 no Chile e 62 na Argentina e foi lançada em 2 de Dezembro de 1996.


 

Condorito é um personagem de quadrinhos criado pelo cartunista chileno René Ríos, conhecido como Pepo. Estrelada por uma personificação antropomórfica de um condor que habita uma cidade fictícia chamada Pelotillehue,um estereótipo de diversas cidades provincianas chilenas . A obra é extremamente popular por toda a América Latina hispanófona, onde passou a fazer parte da cultura popular geral, apesar de sua origem chilena.

A estrutura do Condorito é extremamente simplista; cada página tem uma piada independente, sem qualquer continuidade com as outras (embora algumas piadas sejam maiores ou menores que uma página). As piadas frequentemente tem uma natureza sexista ou chauvinista, e alguns dos detalhes dos desenhos retratam de maneira caricatural os sexos; porém o humor da tira costuma ser fundamentado em duplos sentidos que crianças dificilmente podem compreender.

Uma característica peculiar do Condorito é que o personagem que passa por uma situação constrangedora e/ou que serve como "alvo" da piada em determinada tira quase sempre cai para trás (com apenas suas pernas visíveis, e o resto do corpo fora do quadro) no último quadrinho - embora as tiras mais recentes tenham colocado a vítima da piada olhando para o leitor. Este final clássico das tiras é acompanhado por um som de queda onomatopeico (quase sempre ¡Plop!), que de tempos em tempos é substituído pela exclamação da vítima da piada: ¡Exijo una explicación! ("Exijo uma explicação!"), como uma forma costumeira de dar uma guinada na trama ou um final anticlimático.
I GRANDI CLASSICI DISNEY 88

ITÁLIA

EDITORA MONDADORI

1994




Formatinho,12 x 18,colorido e 388 páginas com Mickey,Pateta,Coronel Cintra,Pato Donald,Tio Patinhas,Huguinho,Zezinho e Luisinho,Gastão,Irmãos Metralha,Chiquinho e Francisquinho,Professor Pardal,Urtigão,Vanda e Minnie. Lançado em Janeiro de 1994.




 
CONAN THE BARBARIAN 214         

 
ESTADOS UNIDOS

 
EDITORA MARVEL

1989



Em formato americano,16,5 x 25,5,colorido e 36 páginas. Lançado em Janeiro de 1989.




Conan da Cimeria é o maior personagem da literatura de fantasia heróica ou "espada e feitiçaria" . Criado pelo escritor texano Robert E. Howard em 1932, fez sua primeira aparição na revista 'Pulp Weird Tales' no conto chamado "The Phoenix on the Sword" (em português, 'A Fênix na Espada'). Howard escreveu mais dezenove histórias e um romance protagonizados pelo personagem (três dos contos só publicados após sua morte), sendo que outros escritores de renome também criaram histórias de Conan ou reescreveram contos, a partir de sinopses e fragmentos originais após 1936, ano em que Howard se suicidou. Dentre esses recuperadores e continuadores da obra de Howard se destacam L. Sprague de Camp e Lin Carter.

As histórias de Howard sobre Conan—e também sobre Kull, o rei da Valúsia, uma criação anterior a Conan—ajudaram a definir o formato da fantasia heróica como subgênero da fantasia: A ênfase em um herói que é um poderoso guerreiro, hábil espadachim, de disposição violenta e contrária às hipocrisias e fraquezas da civilização, e que sempre se defrontava com ameaças sobrenaturais sobre as quais sempre prevalecia, fossem elas magos, demônios ou outras criaturas de eras perdidas no tempo.
LOS TRES CABALLEROS
COLECCION HOGAR FELIZ   18     

ESPANHA

EDITORA BRUGUERA

1971


 

 
 
Livro com capa original e também encadernado com bonita capa dura vermelha que mistura texto e quadrinhos,em preto e branco,12,5 x 19,5,capa dura e 228 páginas,editado na Espanha em 1971. Faz parte da 'Coleccion Hogar Feliz',sendo o número 18.


                                                                       












 

CONAN THE BARBARIAN 203

 
ESTADOS UNIDOS

 
EDITORA MARVEL

1988

 

Em formato americano,16,5 x 25,5,colorido e 36 páginas. Lançado em Fevereiro de 1988.




Conan da Cimeria é o maior personagem da literatura de fantasia heróica ou "espada e feitiçaria" . Criado pelo escritor texano Robert E. Howard em 1932, fez sua primeira aparição na revista 'Pulp Weird Tales' no conto chamado "The Phoenix on the Sword" (em português, 'A Fênix na Espada'). Howard escreveu mais dezenove histórias e um romance protagonizados pelo personagem (três dos contos só publicados após sua morte), sendo que outros escritores de renome também criaram histórias de Conan ou reescreveram contos, a partir de sinopses e fragmentos originais após 1936, ano em que Howard se suicidou. Dentre esses recuperadores e continuadores da obra de Howard se destacam L. Sprague de Camp e Lin Carter.

As histórias de Howard sobre Conan—e também sobre Kull, o rei da Valúsia, uma criação anterior a Conan—ajudaram a definir o formato da fantasia heróica como subgênero da fantasia: A ênfase em um herói que é um poderoso guerreiro, hábil espadachim, de disposição violenta e contrária às hipocrisias e fraquezas da civilização, e que sempre se defrontava com ameaças sobrenaturais sobre as quais sempre prevalecia, fossem elas magos, demônios ou outras criaturas de eras perdidas no tempo.


terça-feira, 13 de maio de 2014

MEGA ALMANACCO   423    

ITÁLIA

EDITORA MONDADORI

1992




Em formato 14 x 21,colorido e 260 páginas com Mickey,Pateta,Gilberto,Professor Pardal,Tio Patinhas,Irmãos Metralha,Pato Donald,Maga Patalójica,Madame Min,Margarida,Zé Carioca,Nestor,Gastão,Urtigão,Peninha,Gansolino,Vovó Donalda,Biquinho,Coronel,Cintra,Pluto e outros.


LUSTIGES TASCHENBUCH   14    
ENTEN-EDITION

ALEMANHA

EDITORA EHAPA

2005





Em formatinho,colorido e 338 páginas com histórias com o Tio Patinhas e sua moeda número 1.  Também participam o Pato Donald,Maga Patalójica,Huguinho,Zezinho e Luisinho,Professor Ludovico,Margarida e Professor Pardal.



I CLASSICI DISNEY   170     

ITÁLIA

EDITORA MONDADORI

1991

 
 

Em formatinho,colorido e 244 páginas com Pato Donald,Tio Patinhas,Huguinho,Zezinho e Luisinho,Irmãos Metralha,Mickey,Minnie,Coronel Cintra,Pateta,João Bafo de Onça,Gastão,Patacôncio,Horácio e Clarabela.




sábado, 10 de maio de 2014

ACTION COMICS   44
SUPERMAN  IN           

ESTADOS UNIDOS

EDITORA DC COMICS

1992




Em formato americano,17 x 26,colorido e 36 páginas. Lançado em Novembro de 1992,nos Estados Unidos.

'Superman' é uma publicação mensal de histórias em quadrinhos, originalmente publicadas pela editora estadunidense DC Comics, distribuídas no Brasil atualmente pela Editora Panini.

Superman fez sua estréia no Brasil em Dezembro de 1938 no suplemento 'A Gazetinha'. A Primeira revista com o título "Superman" no Brasil foi publicada pela EBAL de Novembro de 1947 a Outubro de 1983.

Em 1984 a Editora Abril lança a revista intitulada 'Super-Homem' , Em 2001 cria a polêmica 'Superman Premium', revistas em formato americano (17 cm x 26 cm), capa cartonada, lombada quadrada ao preço de R$ 9,90, publicação que vendeu pouco por conta do preço.

Em 2002, como forma de tentar recuperar antigos leitores a Editora Abril lança a linha Planeta DC, títulos em formatinho custando R$ 2,50, a editora havia prometido não publicaria os heróis da DC em formatinho.

Porém, a estratégia não funcionou e no Final de 2002 os títulos da DC passaram a ser publicados pela Panini Comics. Editora que já vinha publicando títulos da Marvel Comics desde 2002.

Atualmente Superman abriga as séries americanas Superman, Action Comics, Supergirl e a minissérie 'Superman Confidencial'.
CLASSICI DISNEY   197    

ITÁLIA

EDITORA MONDADORI

1993




Em formatinho,colorido e 244 páginas com Pato Donald,Tio Patinhas,Huguinho,Zezinho e Luisinho,Irmãos Metralha,Mickey,Pateta,Berloque Gomes,Professor Gavião,João Bafo de Onça,Coronel Cintra,Minnie e Pluto.


MARKEN-WESTERN 1114
WESTMANN
DEIN SPIEL IST AUS


ALEMANHA


EDITORA ZAUBERKREIS VERLANG


1965


 

Marcas do Oeste,com a história 'Seu Jogo é Oculto',de Clint Hardin,Editora Zauberkreis Verlang,da Alemanha. Formato 16 x 23,preto e branco e 70 páginas,editado em 1965. Não é revista em quadrinhos,mas sim texto com histórias do oeste,bastante raro no Brasil.



                                                             Páginas 2 e 3 da revista.



                                                   Contra capa,com jogadores de futebol.
SILVER-WILDWEST 717
DOC HARRIGANS RAUHER WEG

ALEMANHA

EDITORA ZAUBERKREIS VERLANG

1962




Prata / Oeste Selvagem 717,com a história 'Estada Áspera',de Riv Colorado,Editora Zauberkreis Verlang,da Alemanha. Formato 16 x 23,preto e branco e 80 páginas,editado em 1962. Não é revista em quadrinhos,mas sim texto com histórias do oeste,bastante raro no Brasil.
CONAN THE BARBARAN   181

ESTADOS UNIDOS

EDITORA MARVEL

1986





Conan, o bárbaro, personagem de literatura criado por Robert E. Howard, foi primeiro adaptado para os quadrinhos pela Marvel Comics, por iniciativa de Roy Thomas e que tornaria conhecido dos leitores o artista britânico então iniciante Barry Windsor-Smith. A série inicial foi 'Conan the Barbarian', que surgiu em 1970. Desde 2003, os quadrinhos de Conan são publicados pela Dark Horse Comics.

Marvel Comics apresentou Conan como herói de quadrinhos em 1970, na revista 'Conan the Barbarian'. O inesperado e grande sucesso da revista levou a que fosse lançado 'Savage Sword of Conan' (Espada selvagem de Conan) em 1974. Com temas e desenhos mais adultos e publicada em formato magazine (formato maior que os quadrinhos tradicionais, usado em revistas como Veja) e em preto e branco para não se submeter as regras do Comics Code AuthorityHYPERLINK \l "cite_note-1"1 2 , era escrita por Roy Thomas e na maioria das edições trazia os desenhos de John Buscema ou Alfredo Alcala.

Nessa época Conan apareceu também em tiras de jornal, de 4 de setembro de 1978 a 12 de abril de 1981. As tiras eram escritas e desenhadas inicialmente por Roy Thomas e John Buscema e depois seria continuada por inúmeros artistas da Marvel.

Outros títulos de Conan eram: 'Savage Tales' (1971 – 1975, cinco edições), 'Giant-Size Conan' (1974–1975), 'King Conan'/'Conan the King' (1980–1989, lançada no Brasil como "Conan Rei"), 'Conan the Adventurer' (1994 – 1995, lançado no Brasil em 1995 como 'Conan, o Aventureiro'), 'Conan' (1995 – 1996) e 'Conan the Savage' (1995 – 1996).

A editora americana Dark Horse Comics começou a pubicar os quadrinhos de Conan em 2003.

A primeira série "Conan" foi escrita por Kurt Busiek, com desenhos de Tim Truman e Cary Nord. Foi seguida de uma segunda série, "Conan the Cimmerian". Essas séries são uma adaptação livre, vagamente baseada nos trabalhos de Robert E. Howard e na cronologia de Dale Rippke, sem conexão com a maior parte das histórias da Marvel.

Dark Horse Comics publicou compilações coloridas digitalmente das histórias da Marvel Comics dos anos de 1970, da revista 'Conan the Barbarian', no formato de graphic novel. Além dos roteiros de Roy Thomas, a coletânea inclui os desenhos de Barry Windsor-Smith, John Buscema, Ernie Chan e outros.


SILVER
WILDWEST-ROMAN 483
WERWEGENE FLUCHT

ALEMANHA

EDITORA ZAUBERKREIS VERLANG

1962




Prata / Oeste Selvagem Romance 483,com a história 'Fuga Ousada' de Howard Duff,Editora Zauberkreis Verlang,da Alemanha. Formato 16 x 23,preto e branco e 70 páginas,editado em 1962. Não é revista em quadrinhos,mas sim texto com histórias do oeste,bastante raro no Brasil.
SUPERMAN   41
THE MAN OF STEEL

ESTADOS UNIDOS

EDITORA DC COMICS

1995



Em formato americano,17 x26,colorido e 36 páginas.  Lançado em Fevereiro de 1995,nos Estados Unidos.

'Superman' é uma publicação mensal de histórias em quadrinhos, originalmente publicadas pela editora estadunidense DC Comics, distribuídas no Brasil atualmente pela Editora Panini.
Superman fez sua estréia no Brasil em Dezembro de 1938 no suplemento 'A Gazetinha'. A Primeira revista com o título "Superman" no Brasil foi publicada pela EBAL de Novembro de 1947 a Outubro de 1983.
Em 1984 a Editora Abril lança a revista intitulada 'Super-Homem' , Em 2001 cria a polêmica 'Superman Premium', revistas em formato americano (17 cm x 26 cm), capa cartonada, lombada quadrada ao preço de R$ 9,90, publicação que vendeu pouco por conta do preço.
Em 2002, como forma de tentar recuperar antigos leitores a Editora Abril lança a linha Planeta DC, títulos em formatinho custando R$ 2,50, a editora havia prometido não publicaria os heróis da DC em formatinho.
Porém, a estratégia não funcionou e no Final de 2002 os títulos da DC passaram a ser publicados pela Panini Comics. Editora que já vinha publicando títulos da Marvel Comics desde 2002.
Atualmente Superman abriga as séries americanas Superman, Action Comics, Supergirl e a minissérie 'Superman Confidencial'.

CONAN THE BARBARIAN   135  

ESTADOS UNIDOS

EDITORA MARVEL

1982




Em formato americano,17 x 26,colorido e 36 páginas. Lançado em Junho de 1982,nos Estados Unidos.


Conan, o bárbaro, personagem de literatura criado por Robert E. Howard, foi primeiro adaptado para os quadrinhos pela Marvel Comics, por iniciativa de Roy Thomas e que tornaria conhecido dos leitores o artista britânico então iniciante Barry Windsor-Smith. A série inicial foi 'Conan the Barbarian', que surgiu em 1970. Desde 2003, os quadrinhos de Conan são publicados pela Dark Horse Comics.

Marvel Comics apresentou Conan como herói de quadrinhos em 1970, na revista 'Conan the Barbarian'. O inesperado e grande sucesso da revista levou a que fosse lançado 'Savage Sword of Conan' (Espada selvagem de Conan) em 1974. Com temas e desenhos mais adultos e publicada em formato magazine (formato maior que os quadrinhos tradicionais, usado em revistas como Veja) e em preto e branco para não se submeter as regras do Comics Code AuthorityHYPERLINK \l "cite_note-1"1 2 , era escrita por Roy Thomas e na maioria das edições trazia os desenhos de John Buscema ou Alfredo Alcala.

Nessa época Conan apareceu também em tiras de jornal, de 4 de setembro de 1978 a 12 de abril de 1981. As tiras eram escritas e desenhadas inicialmente por Roy Thomas e John Buscema e depois seria continuada por inúmeros artistas da Marvel.

Outros títulos de Conan eram: 'Savage Tales' (1971 – 1975, cinco edições), 'Giant-Size Conan' (1974–1975), 'King Conan'/'Conan the King' (1980–1989, lançada no Brasil como "Conan Rei"), 'Conan the Adventurer' (1994 – 1995, lançado no Brasil em 1995 como 'Conan, o Aventureiro'), 'Conan' (1995 – 1996) e 'Conan the Savage' (1995 – 1996).

A editora americana Dark Horse Comics começou a pubicar os quadrinhos de Conan em 2003.

A primeira série "Conan" foi escrita por Kurt Busiek, com desenhos de Tim Truman e Cary Nord. Foi seguida de uma segunda série, "Conan the Cimmerian". Essas séries são uma adaptação livre, vagamente baseada nos trabalhos de Robert E. Howard e na cronologia de Dale Rippke, sem conexão com a maior parte das histórias da Marvel.

Dark Horse Comics publicou compilações coloridas digitalmente das histórias da Marvel Comics dos anos de 1970, da revista 'Conan the Barbarian', no formato de graphic novel. Além dos roteiros de Roy Thomas, a coletânea inclui os desenhos de Barry Windsor-Smith, John Buscema, Ernie Chan e outros.




quinta-feira, 8 de maio de 2014

YOW !
DRAWN & QUARTERLY PRESENTS
A 'JOHN STANLEY LIBRARY'
GRAB-BAG
FREE COMIC BOOK DAY

CANADÁ

EDITORA DIAMOND

2010



'Free Comic Book Day' acontece no primeiro sábado de maio, é um evento anual promocional por parte dos editores de quadrinhos para ajudar a trazer novos leitores. Nos Estados Unidos começou em 2002.

Free Comic Book Day tem três objetivos principais:
Para apresentar todos os prazeres da leitura de quadrinhos,
Para chamar de volta antigos leitores de quadrinhos e
Agradecer atuais compradores de livros em quadrinhos por seu apoio contínuo.

Existe uma grande diversidade de histórias em quadrinhos disponíveis, a partir das tradicionais como Archie e da Disney , os super-heróis da Marvel e DC , mangás da Tokyopop , bem como o trabalho de editores independentes .

Existe também na Alemanha, Áustria , Suíça e Holanda,entre outros países.






KELTER WESTERN 489  
JEDE FAHRTE ENDET  

ALEMANHA  

EDITORA
 VERLANG    

1962





Kelter Western 489 / Jede Fahrte Endet,de Robert S. Field,com a história 'Qualquer Viagem', Editora  Verlang,da Alemanha. Formato 16 x 23,preto e branco e 80 páginas,editado em 1962. Não é revista em quadrinhos,mas sim texto com histórias do oeste,bastante raro no Brasil.
E-MEN   8


CANADÁ


EDITORA FIRST COMICS


1983





Formato americano,17 x 26,colorido e 36 páginas. E-Man é um personagem de quadrinhos de super-heróis, criado pelo escritor Nicola Cuti e pelo artista Joe Staton para Charlton Comics , em 1973. Embora a série original do personagem ser de curta duração, o herói levemente humorístico tornou-se um cult-clássico esporadicamente revivido por vários editoresde quadrinhos independentes.